Escolha uma Página

Em 2019, a cirurgia bariátrica passou a fazer parte dos procedimentos realizados no Blanc Hospital. A cirurgia, que é indicada em casos de obesidade para a diminuição do peso pode ser dividida em quatro tipos. Neste post, explicamos a você como funciona cada um deles.

Atualmente, as técnicas reconhecidas pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) são: Banda Gástrica Ajustável, Gastrectomia Vertical, Bypass Gástrico e Derivação Bileopancreática.

Banda Gástrica Ajustável

A cirurgia de Banda Gástrica Ajustável diz respeito à colocação de um anel de silicone com uma pequena câmara pneumática ao redor do começo do estômago. O dispositivo fica ligado a uma espécie de reservatório, onde é possível injetar água destilada para apertar mais o estômago ou esvaziá-la para liberar o fluxo de alimentos através dela.

Esse método é reversível e pouco invasivo. E, embora haja o risco de rejeição do corpo já que estamos lidando com uma prótese (o anel de silicone), o procedimento não altera a produção de hormônios e é bastante eficaz na redução de peso — auxiliando também no tratamento de outras doenças relacionadas à obesidade.

Gastrectomia Vertical

Também conhecida como “Sleeve”, a Gastrectomia Vertical é uma cirurgia em que há a retirada de dois terços do estômago, transformando-o em um tubo estreito. Com esse procedimento, existe a redução do hormônio grelina — responsável pela fome.

Não é uma cirurgia reversível, mas pode ser transformada em Bypass Gástrico ou Derivação Bileopancreática, que veremos em seguida. Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica, esta cirurgia é altamente eficaz no controle da hipertensão e de doenças dos lipídios (colesterol e triglicérides).

Bypass Gástrico

Também chamada Gastroplastia em Y de Roux, trata-se de um procedimento misto no qual parte do estômago é grampeado e tem espaço reduzido para os alimentos, bem como há um desvio do intestino delgado inicial, promovendo o aumento de hormônios de saciedade. Com esse procedimento, o apetite é reduzido sem que haja ocorrência de diarreia e desnutrição, além de apresentar rápida melhora em doenças que estão relacionadas à obesidade

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica, o Bypass Gástrico é a técnica mais praticada no Brasil e corresponde a 75% das cirurgias, sendo também reversível.

Derivação Bileopancreática

A Derivação Bileopancreática ou Duodenal Switch é uma associação entre a Gastrectomia Vertical e o desvio intestinal. Nessa cirurgia é retirado cerca de 60% do estômago, mas é mantida a anatomia básica do órgão, bem como sua fisiologia de esvaziamento, e o desvio intestinal também é realizado.

A técnica tem alto índice de perda do peso inicial, maior ingestão de alimentos e reduz a intolerância alimentar.

Se você sente a necessidade de perda de peso por questões de saúde ou mesmo estéticas, consulte o seu médico, a fim de entender se a cirurgia bariátrica pode ser a solução e qual desses tipos é o mais adequado para você.

Ainda não possui um médico de confiança? Conheça o corpo clínico do Blanc Hospital